Você está visualizando uma versão anterior do blog Eberick Next. Mantenha-se informado acessando o novo blog
Acesse http://ebericknext.altoqi.com.br

Otimização dos critérios de ancoragem das vigas

Escrito em 07/11/2014, por Karine Cunha de Souza / 12 Comentários | Categoria: Melhorias em recursos | Tags: ,

Para auxiliar a resolver os problemas de ancoragem das vigas, foi melhorado critério que verifica o número de barras da armadura positiva que deve ser estendido até o apoio no detalhamento de uma viga, de forma a minimizar a necessidade de armadura adicional de ancoragem no apoio (grampos).

Hoje o programa inclui grampos para complementar a ancoragem nas vigas nos seguintes casos:

  1. Quando Lb,nec,com gancho > Lapoio, mas o comprimento de ancoragem do apoio é maior ou igual ao Lbmin. Este comportamento só ocorre quando a configuração “Adotar ancoragem em laço” está marcada.
  2. Quando As,nec,apoio > As,ef,apoio, ou seja, quando a armadura necessária calculada para o apoio é maior do que a armadura efetiva no apoio (normalmente por efeito de cortante elevado), este problema ocorre independentemente do Lapoio.
  3. Quando Lb,min > Lapoio, sendo que neste caso a ancoragem é feita exclusivamente com grampos. Este comportamento só ocorre quando a configuração “Permitir ancoragem integral” está marcada.
Nos casos 1 e 2 é possível reduzir a utilização de grampos levando a armadura positiva até o apoio quando houver armaduras em mais camadas ou quando forem acrescentadas novas barras manualmente na janela de dimensionamento. Dessa forma ocorre o aumento no número de barras chegando no apoio, aumentando a área de aço efetiva neste apoio, o que pode reduzir ou até zerar a quantidade de grampos.

viga com gramposViga com grampos para complementar a ancoragem

viga apos a otimizacao

Viga com barra estendida até o apoio

Além disso, também foi alterado o critério para geração dos grampos no detalhamento das vigas contendo estribos de 4 ou mais ramos. Agora, nesses casos, o programa utiliza uma combinação de dois grampos, reduzindo o número de camadas necessárias.

viga com grampo simples1

Viga com grampo simples em 3 camadas

viga com grampo duplo2

 Viga com grampo duplo em duas camadas


Comentários

12 Comentários para Otimização dos critérios de ancoragem das vigas

  1. Renato C. Costa says:

    Quando será possível utilizar diâmetros diferentes entre camadas distintas na armadura positiva ? Considerando o consumo global de aço para toda a edificação, o desperdício de aço é enorme quando se uniformiza o As em todas as camadas.

  2. Madson says:

    instalei a nova versão, infelizmente o problema da visualização do pórtico 3D ainda não foi resolvido.

    • Moderador Blog Eberick says:

      Bom dia Madson,
      Estamos efetuando alguns ajustes no 3D e assim que possível será liberada uma nova atualização com estas alterações.

      • Cristiano says:

        Moderador, sinceramente esse novo 3D está uma dor de cabeça para grande parte dos usuários. Isso se arrasta por 6 meses já. Acabei de instalar num note com core I7 e placa de vídeo de 4gb Radeon e estou com os mesmo problemas. Está impossível de visualizar o 3D e o pórtico unifilar. Como analisar uma estrutura que demora quase 5min para montar o unifilar.

        • Renato C. Costa says:

          Meu caro … eu estou achando que, com a chegada do BIM, o 3D vai passar a ser melhor manipulado em sua plenitude lá no aplicativo de arquitetura restando ao eberick apenas uma visualização mais básica. Vale dizer … pode-se até lançar a estrutra diretamente em 3D, de dentro de (qualquer) aplicativo BIM.

          Uma consequencia disso, na minha opinião, é que não seria mais vantajoso investir no 3D embutido do eberick de modo a torná-lo cada vez mai spotente e independente mas sim na compatibilidade entre os elementos estruturais deste com a plataforma BIM… de modo que possmos verificar tudo fora do eberick, e não mais dentro dele da maneira como fazemos, evitando assim, suas limitações e muita dor de cabeça para o pessoal do desenvovlimento.

          • Andre Portz says:

            Apoiado! Eu continuo insistindo que seria bom se o 3D também fosse gerado externo como arquivo autoexecutável, de forma a poder ser aberto – nem que fosse o básico para visualização simples – sem precisar do Eberick estar aberto.

        • Moderador Blog Eberick says:

          Boa tarde Cristiano,
          Estão sendo feitos alguns ajustes no pórtico unifilar e 3D. Se possível entre em contato com o suporte para que possamos verificar os dados do computador e se for o caso configurar o Eberick na placa de vídeo, como fizemos com o computador antigo.

          • Cristiano says:

            Prezado Moderador, as alterações eu já fiz mas os problemas persistem, desde a instalação da V9-06. Tenho uma placa de vídeo AMD Radeon de 4Gb, configurada para melhor performance no Eberick e mesmo assim o 3D demora um tempo enorme para montar e o Unifilar não é possível trabalhar mais.

      • Ivan Bueno says:

        Eu não tenho conseguido selecionar barras no meu unifilar no notebook que tem Windows 8.1 e o problema persiste, mesmo já tendo desinstalado e reinstalado. No notebook que tem Windows 7 eu consigo, mas no Windows 8.1 não consigo.

        • Moderador Blog Eberick says:

          Boa tarde Ivan,
          Estão sendo feitos alguns ajustes no pórtico unifilar e 3D. Se possível entre em contato com o suporte para que possamos verificar a situação e os dados do computador.

          • Cristiano says:

            Moderador, esse novo 3D do Eberick está desgastante para o usuário. Porque não voltam como estava e assim que estiver tudo resolvido liberam novamente. Está impossível de trabalhar. Não é possível nem visualizar as alterações nas grelhas das escadas em função do unifilar não abrir.

  3. Roger Scapini Marques says:

    Moderador, continuo com a minha solicitação para que as cotas dos estribos não sejam duplicadas desnecessariamente, tal como mostrado nas ilustrações.

Você deve estar autenticado para enviar um comentário.

Liberada a revisão 2015-04 do QiBuilder

Escrito em 27/04/2015

Liberada a revisão 2015-04 do QiBuilder.

Esta versão marca o lançamento do QiSPDA sobre o QiBuilder, um produto destinado ao projeto de sistemas de proteção contra descargas atmosféricas, e a conclusão do desenvolvimento do QiElétrico.

Para mais informações acesse o blog do QiBuilder.

×

Liberada a revisão 2014-10 do QiBuilder

Escrito em 14/10/2014

Esta versão marca o lançamento do QiElétrico sobre o QiBuilder, um produto destinado ao projeto de instalações elétricas prediais. Esse produto entra na modalidade “experimentação”, para que possa ser utilizado pelos clientes enquanto os últimos recursos são adicionados ao mesmo. Essa estratégia dá à empresa a oportunidade de receber um feedback sobre o produto antes do seu lançamento comercial definitivo.

Foram corrigidos diversos problemas reportados pelos usuários da versão 2014-07, priorizando a estabilidade do programa.

Para saber mais sobre sobre os recursos e melhorias acesse o menu “Conteúdo” dentro do QiBuilder.

Download

Para conhecer o QiElétrico acesse o HOTSITE.

×

Liberada nova atualização do Eberick

Escrito em 16/04/2014

Disponibilizada uma nova atualização do programa: EberickV9 (atualização 2015-02).

Mais informações sobre a instalação desta nova atualização podem ser encontradas na guia Download.

×

Liberada uma nova revisão para o Hydros V4 e Lumine V4

Escrito em 01/04/2014

Foram disponibilizadas as revisões do Hydros V4 do Lumine V4.

Lumine V4 Revisão 13

Para baixar a revisão 13 do Lumine V4 acesse:
Download_lumine_V4_R13
Para saber mais informações acesse “? – Atualizações recentes”

Hydros V4 Revisão 13

Para baixar a revisão 13 do Hydros V4 acesse:
Download_hydros_V4_R13
Para saber mais informações acesse “? – Atualizações recentes”

Hydros V4

 

×

Novo artigo sobre detalhamento de lajes

Escrito em 14/01/2014

Disponível um novo artigo para o Eberick, dando seqüência ao artigo publicado sobre a otimização do detalhamento das lajes (parte 1):

Artigo novo:

Otimização do detalhamento das lajes – Parte II

Artigo relacionado:

Otimização do detalhamento das lajes – Parte I

Acesse a base de conhecimento e confira outros artigos: www.altoqi.com.br/faq/.

×