Você está visualizando uma versão anterior do blog Eberick Next. Mantenha-se informado acessando o novo blog
Acesse http://ebericknext.altoqi.com.br

Novo produto integrado ao AltoQi Eberick: Módulo Incêndio

Escrito em 26/03/2013, por Moderador Blog Eberick / 17 Comentários | Categoria: Notícias | Tags: , ,

A AltoQi tem a satisfação de anunciar o desenvolvimento de um  novo produto integrado ao AltoQi Eberick: o Módulo Incêndio, com  previsão de lançamento para o segundo semestre de 2013.

Este novo software destina-se a verificação de estruturas de concreto armado em situação de incêndio, através das prescrições normativas descritas nas ABNT NBR15200:2012 e ABNT NBR14432:2001

O Módulo Incêndio foi desenvolvido sobre a plataforma do Eberick, adicionando às ferramentas e recursos do programa, mais alguns recursos específicos de verificação de estruturas de concreto armado em situação de incêndio, tais como a possibilidade de considerar revestimentos dos elementos e avaliar o tempo necessário de resistência ao fogo com opção de consideração do método do tempo equivalente.

Posteriormente, serão postadas neste blog informações sobre os critérios adotados para verificação de cada elemento, considerações sobre a avaliação do tempo requerido de resistência ao fogo e funcionamento geral do novo módulo.

(1 visitas hoje)

Comentários

17 Comentários para Novo produto integrado ao AltoQi Eberick: Módulo Incêndio

  1. Tadeu says:

    Módulo muito bem vindo. Aguardo para saber a metodologia de cálculo que foi adotada.

  2. Dacol Engenharia e Empreendimentos Ltda says:

    Ótima notícia!!!

  3. Renato C. Costa says:

    Excelente noticia; agora, sim – NEXT iniciando.

    Aguardarei maiores informações sobre a politica de comercialização, também.

  4. Ivan Bueno says:

    Implementação muito bem vinda. Módulo de grande utilidade ao Eberick, especialmente em se tratando de obras de maior porte e/ou comerciais. Ótima notícia.

  5. Roger Scapini Marques says:

    Ótimo, será bom participar ativamente da implementação desse novo recurso.

    Apenas não entendo a necessidade da criação de um módulo para isso, já que se trata quase que exclusivamente de verificações normativas. Seria o equivalente a cobrar por um módulo de cálculo de vento, que também tem a sua norma específica.

    Falando nisso, a AltoQi já está fazendo as adaptações para a nova revisão da NBR6118?

    • Ivan Bueno says:

      Verdade, Roger.
      É um aperfeiçoamento, não necessariamente um módulo. Gostaria de saber como será a política da AltoQi em relação a esses aspectos.
      Quanto mais formos informados, melhor… em tudo. Migração, aperfeiçoamentos, módulos mesmo etc.

      • Cristiano says:

        Prezados, concordo com a afirmativa do Roger e agora fiquei imaginando o que entra no Next e o que não. Pegando um gancho na afirmativa do Roger, o Pilar-Parede poderia ter sido um módulo? Se todas implementações maiores forem tratadas como módulos eu não sei mais do que se trata o Next. E quando uma atualização do Next for feita num módulo que não possuo, terei desconto no valor do Next?

    • Ivan Bueno says:

      Cristiano,

      Eu, particularmente, não vejo problema em colocar aqui tópicos do “núcleo” do Eberick e/ou possíveis novos módulos. Mais símples que esteja tudo junto, penso eu.

      Basta, no meu ponto de vista, que se especifique o que é melhoria, aperfeiçoamento, novo recurso, novo módulo etc. Essa divisão já vinha sendo feita nos outros Next.

      Em relação a este tópico, penso que talvez não seja necessário ser um módulo, mas uma melhoria do Eberick. Mas ainda assim acho melhor tudo junto.

      Acho que a questão incômoda é um, digamos, “trauma” advindos desde a criação do QiBuilder como um “novo software”, sendo ele, a meu ver, a evolução do QiCad, bem como a necessidade de uma política de migração (e não somente venda), um foco em uma linha de produtos e uma manifestação clara da empresa a esse respeito. Pensamento meu, repito.

      • Moderador Blog Eberick says:

        Boa tarde Roger, Ivan e Cristiano,
        Existe uma série de fatores que caracterizam um módulo, as melhorias ou recursos novos, sendo que as melhorias, ajustes e novos recursos são postados no blog em categorias distintas. Para os recursos Next, são escolhidos recursos direcionados as principais solicitações, voltados para a base ou aos módulos básicos do Eberick (Master, Formas e Fundações) e que se encaixem dentro do modelo Next. Recursos que venham a consumir um elevado tempo de desenvolvimento, tomando por exemplo a maior parte do tempo destinado ao projeto, serão tratados separadamente.
        Os recursos de um módulo podem ser aplicados ou não conforme a necessidade, como por exemplo em estruturas de menor porte é possível dispensar as verificações de incêndio. Além disso, as verificações de incêndio correspondem a um pacote de recursos que serão fechados e entregues para utilização, inclusive com outras versões do programa, como por exemplo clientes V8 (sem Next) poderão adquirir o módulo também. Em geral, os módulos permitem mais flexibilidade no momento da compra, permitindo o cliente adquirir os módulos de acordo com as necessidades de seus projeto.

        • Cristiano says:

          Moderador, baseado nesse trecho da tua resposta: “Recursos que venham a consumir um elevado tempo de desenvolvimento, tomando por exemplo a maior parte do tempo destinado ao projeto, serão tratados separadamente”, devo entender que qualquer recurso grande será cobrado a parte do Next?

          • Moderador Blog Eberick says:

            Boa tarde Cristiano,
            Este não é o único fator, mas recursos grandes que inviabilizem o desenvolvimento de outros recursos provavelmente serão tratados separadamente. Alguns recursos grandes, como pilar em L (V6 Next) e pilar parede (V7 Next) fizeram parte dos projetos Next anteriores, por exemplo.

    • Moderador Blog Eberick says:

      Bom dia Roger,
      As modificações da nova norma estão sendo avaliadas e após o fechamento da versão definitiva da norma há um período de adaptação.

Página de comentários

Você deve estar autenticado para enviar um comentário.

Liberada a revisão 2015-04 do QiBuilder

Escrito em 27/04/2015

Liberada a revisão 2015-04 do QiBuilder.

Esta versão marca o lançamento do QiSPDA sobre o QiBuilder, um produto destinado ao projeto de sistemas de proteção contra descargas atmosféricas, e a conclusão do desenvolvimento do QiElétrico.

Para mais informações acesse o blog do QiBuilder.

×

Liberada a revisão 2014-10 do QiBuilder

Escrito em 14/10/2014

Esta versão marca o lançamento do QiElétrico sobre o QiBuilder, um produto destinado ao projeto de instalações elétricas prediais. Esse produto entra na modalidade “experimentação”, para que possa ser utilizado pelos clientes enquanto os últimos recursos são adicionados ao mesmo. Essa estratégia dá à empresa a oportunidade de receber um feedback sobre o produto antes do seu lançamento comercial definitivo.

Foram corrigidos diversos problemas reportados pelos usuários da versão 2014-07, priorizando a estabilidade do programa.

Para saber mais sobre sobre os recursos e melhorias acesse o menu “Conteúdo” dentro do QiBuilder.

Download

Para conhecer o QiElétrico acesse o HOTSITE.

×

Liberada nova atualização do Eberick

Escrito em 16/04/2014

Disponibilizada uma nova atualização do programa: EberickV9 (atualização 2015-02).

Mais informações sobre a instalação desta nova atualização podem ser encontradas na guia Download.

×

Liberada uma nova revisão para o Hydros V4 e Lumine V4

Escrito em 01/04/2014

Foram disponibilizadas as revisões do Hydros V4 do Lumine V4.

Lumine V4 Revisão 13

Para baixar a revisão 13 do Lumine V4 acesse:
Download_lumine_V4_R13
Para saber mais informações acesse “? – Atualizações recentes”

Hydros V4 Revisão 13

Para baixar a revisão 13 do Hydros V4 acesse:
Download_hydros_V4_R13
Para saber mais informações acesse “? – Atualizações recentes”

Hydros V4

 

×

Novo artigo sobre detalhamento de lajes

Escrito em 14/01/2014

Disponível um novo artigo para o Eberick, dando seqüência ao artigo publicado sobre a otimização do detalhamento das lajes (parte 1):

Artigo novo:

Otimização do detalhamento das lajes – Parte II

Artigo relacionado:

Otimização do detalhamento das lajes – Parte I

Acesse a base de conhecimento e confira outros artigos: www.altoqi.com.br/faq/.

×